Cooperação valiosa: Argentina Transferirá Caças para a Ucrânia | TV Feira de Santana The Mobile Television Network

TV Feira de Santana, The Mobile Television Network, Argentina. Ucrânia. Super Etendard. Embargo Britânico. Transferência de Caças. Javier Millay. Diana Mondino. Luis Petri. França. NATO. Volodymyr Zelenskyy. Emmanuel Macron. Cooperação Internacional

argentina, ucrânia, super, etendard, embargo, britânico, transferência, de, caças, javier, millay, diana, mondino, luis, petri, frança, nato, volodymyr, zelenskyy, macron, cooperação, internacional, guerra, ucrânia

Cooperação valiosa: Argentina Transferirá Caças para a Ucrânia

Publicado por: Redação
12/06/2024 16:23:09
Divulgação/Redes Sociais/Captura de Tela
Divulgação/Redes Sociais/Captura de Tela

Argentina Ajuda Ucrânia com Transferência de Caças Super Etendard


Primeiro País Latino-Americano a Disponibilizar Caças Militares para a Ucrânia

 

Em uma decisão histórica, a Argentina se tornará o primeiro país da América Latina a transferir caças militares para a Ucrânia, marcando um novo capítulo na cooperação internacional em tempos de conflito. O presidente argentino, Javier Millay, aprovou o plano de enviar cinco caças Super Etendard para a Ucrânia, aeronaves que estavam desativadas devido a um embargo imposto pela Grã-Bretanha. Esta informação foi divulgada pela Infobae.

 

Participação Francesa Crucial
A colaboração da França é fundamental para a efetivação da transferência das aeronaves, permitindo a superação do embargo britânico. As autoridades argentinas, em coordenação com os Estados Unidos e a NATO, têm trabalhado intensamente nas últimas semanas para viabilizar essa transferência. O plano foi articulado pela Ministra das Relações Exteriores, Diana Mondino, e pelo Ministro da Defesa, Luis Petri, que têm realizado reuniões estratégicas em Paris e Bruxelas.

 

Detalhes da Transferência
As discussões sobre a transferência de tecnologia incluíram encontros com o Ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Stephane Sejournay, e uma reunião com a NATO. Além disso, houve conversações com Jake Sullivan, Conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca. O Ministro da Defesa argentino planeja visitas adicionais à sede da NATO e reuniões com seu homólogo francês em Paris para avançar com a entrega dos caças.

 

Embargo Britânico e Solução Alternativa
Os caças Super Etendard, adquiridos pela Argentina em 2019, nunca foram utilizados devido ao embargo britânico. O ex-presidente argentino, Mauricio Macri, comprou os aviões com a consciência de que ficariam inoperantes devido às restrições impostas por Londres. Durante a Guerra das Malvinas, esses caças demonstraram seu valor estratégico.

 

O plano de Millay prevê uma solução alternativa para contornar o embargo: a Argentina trocaria os Super Etendard por outros equipamentos militares, como drones ou helicópteros, com a França. A administração do presidente francês, Emmanuel Macron, ficaria responsável pela instalação de novos cartuchos de ejeção, necessários para a operação segura dos aviões. Dessa forma, a Argentina não se envolveria diretamente na guerra, enquanto a responsabilidade política recairia sobre a França.

 

Desafios Políticos
Contudo, a concretização do plano enfrenta desafios políticos. Com Macron enfrentando eleições parlamentares e possivelmente deixando a presidência, uma eventual vitória de Marine Le Pen, líder do bloco de extrema direita da União Nacional, poderia impedir a realização do plano de Millay.

 

Apoio Internacional
A transferência dos caças argentinos ocorre em um contexto de crescente apoio internacional à Ucrânia. A Holanda já anunciou a entrega dos primeiros caças F-16 para a Ucrânia neste verão, reforçando a aliança ocidental em defesa da integridade territorial ucraniana.

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários