Arqueólogo afirma ter encontrado a casa onde viveu Jesus em Nazaré | TVFEIRADESANTANA.com 100% Internet

O arqueólogo britânico Ken Dark afirma ter localizado na cidade de Nazaré, a norte de Israel, a suposta casa onde Jesus passou a sua infância e juventude com os seus pais, Maria e José.   De acordo com o jornal britânico The Times, que cita um livro re...

noticias, reportagens, jornalismo, video, documentario, reportagens, artigos

Arqueólogo afirma ter encontrado a casa onde viveu Jesus em Nazaré

Publicado por: Redação
25/11/2020 21:30:42
Ken Dark
Ken Dark

O arqueólogo britânico Ken Dark afirma ter localizado na cidade de Nazaré, a norte de Israel, a suposta casa onde Jesus passou a sua infância e juventude com os seus pais, Maria e José.

 

De acordo com o jornal britânico The Times, que cita um livro recém publicado pelo arqueólogo britânico Ken Dark, o edíficio em causa data do século I e atualmente alberga o convento das Irmãs de Nazaré. 

 

No século XIX, a casa foi apontada pela primeira vez como a possível casa de Jesus Cristo, mas essa hipótese foi posteriormente descartada na década de 1930.

 

Após 14 anos de trabalho de campo e investigação, Ken Dark, professor de arqueologia e história na University of Reading, no Reino Unido, concluiu que o convento fica numa casa de dois andares que os nazarenos antigamente associavam à primeira casa de Jesus.

 

Partes significativas do edifício original ficaram preservadas até agora, incluindo uma escada cortada na rocha. No século I, provavelmente incluía várias salas de estar e arrumos em torno de um pátio e terraço.

 

Dark determinou que os habitantes locais acreditavam desde pelo menos o final do século IV que o local hospedou a casa de Jesus. A sua análise, apresentada no livro intitulado “As Irmãs de Nazaré: um sítio da época romana, bizantina e dos cruzados no centro de Nazaré”, defende que o edifício serviu de habitação no século I, ao contrário de outras construções na área.

 

A investigação do arqueólogo revela que o seu excelente artesanato e escultura em pedra confirmam que a casa foi construída e de propriedade de um tekton, a descrição do Novo Testamento da profissão de José, uma palavra que não significa apenas “carpinteiro”, mas também “pedreiro”.

 

Não é lamentavelmente pobre, mas também não há sinal de grande riqueza. É muito comum”, disse Dark, em declarações à CBS News. “Se este é o ambiente da infância de Jesus, não há razão para acreditar que ele cresceu noutra coisa senão uma típica casa rural da Galileia do seu tempo.”

 

O local foi convertido na época romana numa pedreira e num cemitério. Depois de o Cristianismo se ter tonado a religião oficial do Império Romano em 380, foi construída uma pequena igreja-caverna que se tornou um importante local de peregrinação naquele local.

 

Fonte: Planeta ZAP //

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar